Agenda

Feliz Dia das Mães todos os dias!

Já é noite, porém ser mãe é seguir o turno 24 horas, 7 dias por semana.

Então já viu né mamães, não é porque hoje é 13 de maio de 2018, dia que se comemora o seu dia, que o trabalho mais difícil da face da Terra terminou.

As mães precisam estar acordada/dormindo quando o resto do mundo dorme tranquilamente.

E não esqueça, de amamentar na madrugada e ver as luzes das janelas se apagando, até que só reste a sua.

Cheirar a leite por vários meses (e detestar) é missão de mãe. Porque só vocês morrem de saudades de dar o peito, quando o filho desmama. Além de passarem creme anta assaduras e trocar a fralda no escuro.

Lembra-se da primeira papinha que você fez com o maior cuidado do mundo, colocou na minha boca, e eu ainda cuspi de volta.

E quando a comida estava cheirosa e bem quentinha, e você era a última a se servir, e a comida já fria, que muitas vezes você nem comia só para cuidar de mim.

Mamãe você lembra como você queria que eu me arrastasse, engatinhasse e conseguisse andar, e eu caía. E quando eu aprendi. A senhora sentiu saudades do seu bebezinho que ficava o dia todo em seu colo.

E quando a senhora passava a noite segurando minha mão, e a outra no meu pescoço para se assegurar de que a febre já passou. Porque olhar para o termômetro marcando 37 graus não era suficiente.

Acordar cansada, depois de uma noite mal dormida. E apesar de tudo: dar banho, comida, trabalhar, cuidar da casa e me colocar para dormir. Só você mamãe!

Quantas vezes escutei você combinando com seus botões, que ia viajar sozinha. E eu olhava pra você. E você me garantia em voz alta que não ia viajar, porque tinha certeza que eu não ia ficar bem. Ninguém ia saber cuidar direito de mim.

Mamãe, perdi a conta de quantas vezes entre uma crise de birra e outra minha, te vi exercitando a paciência.

Quantas vezes você mamãe comeu o meu comer, me ensinando como botar comidinha na boca. Para a senhora não bastava falar, era preciso dar exemplo.

E quando a senhora se sentiu culpada porque tinha voltado ao trabalho, e largou tudo. Depois me olhou nos olhos e me disse que estava com saudade de trabalhar fora.

Mamãe, a senhora executava tarefas diferentes com muito mais que duas mãos. Mas eu nunca consegui entender e aprender como a senhora atendia ao telefone, empurrava o carrinho, abria a porta, escrevia bilhete e ainda me dava comidinha. Isso só para lembrar exemplos das suas possíveis múltiplas combinações.

Ahhhh, que saudade mamãe!

Eu já estava maiorzinha, e sentia sua mão forte segurando a minha e afagando meu dedinho como que querendo dizer: “ei. Estou aqui, você não está sozinha!”.

E quando você Mamãe afagava meu cabelo, e me protegia.

E quando acordava pela manhã com um abraço bem apertado seu. E quando você ia me buscar na saída da escola eu ganhava outro abraço

Mamãe, você lembra nas festas da escola, Você parecia uma flor com tanta beleza e um cheiro que me deixava com ciúmes.

Como demorou para que eu entendesse o motivo do seu choro na minha apresentação da escola, do ballet e no campeonato de esportes. E ninguém se incomodava.

Mamãe como me fazias dar gargalhadas e gritinhos quando brincávamos de boneca, de esconde-esconde, de pega-pega, de carrinho.

Obrigada Mamãe!

Muito obrigada pela coragem de fazer o que seu coração realmente desejava. Porque nunca existiu dentro do seu coração covardias para cuidar de mim.

Por ter tentado e ainda tentar ser uma mãe melhor a cada dia.

Por ser essa Mãe de coração infinito. Que quanto mais me ama, mais amor cabe dentro desse coração.

Eu a amo o tempo todo, e a cada minuto que passa, eu a amo mais!

Desculpa se eu não sei expressar esse amor. Mas você Mamãe, é a motivação para um futuro melhor, um mundo mais bonito para nós!

Feliz Dia das Mães!!!


Publicidade