DicasNegócios e Serviços

O veterinário Dr. Lucas Silveira alerta: “Alguns medicamentos humanos são proibidos para cães”

Dr. Lucas Silveira

“Em atendimentos realizados na Equilíbrio Pet, constatei cães intoxicados por ingerir medicamentos humanos. Os tutores não fazem isso por maldade, mas pelo desespero em querer salvar seu animal de estimação e por desinformação.

Ao contrário do gato, o efeito da automedicação no cão é menor, porém doses inadequadas, lambidas em pomadas e outras soluções tópicas causam intoxicação. Como também intolerância racial a certos medicamentos, temos como exemplo o caso do antiparasitário (Ivermectina, usado na medicina veterinária).

Além de intoxicação por medicamentos, os cães experimentam tudo com a boca, e engolem o que nem imaginamos. Como chocolates, cebolas, venenos, adubos e plantas.

É bom não esquecer que o cachorro, o gato ou o humano “JAMAIS DEVE FAZER AUTOMEDICAÇÃO”.

Existem medicamentos humanos “Proibidos para cães”, “De uso restrito para cães” “De uso controverso para cães” e outros que “Requerem cuidados na dose para cães”.

Não busque ajudar o seu animal com automedicação e nem dê dicas de remédio a quem pedir. É desesperador ver seu cão, gato, papagaio, hamster, etc começar a passar mal, babar, tremer e você se vê de mãos atadas, mas não automediquem seus bichinhos.

Assim como nos humanos, os remédios e dosagens tem que ser de acordo com idade, peso…….., e receitados por profissionais. Todo diagnóstico requer estudos. Não dê remédio a seu bichinho por conta própria.

Sempre procure um veterinário quando seu animal ficar doente ou tiver suspeita que ele ingeriu algo que não podia ou medicação humana, para o atendimento emergencial”, orienta Dr. Lucas Silveira.

Equilíbrio Pet – Atendimento veterinário e Pet Shop

Rua Vereador Elias Torres (Rua da Usina)

Fone: (81) 99684.7806


Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *